home
inscrições
Histórico
noticias
regulamento
Premio de Jornalismo

O Prêmio de Jornalismo é o resultado de muitas e estimulantes parcerias: dos que o fazem, dos que criam condições e dos que contam a história do desenvolvimento do nosso país. Criado em 2001, veio para marcar os 40 anos da Massey Ferguson no Brasil e destacar o talento e a dedicação dos profissionais que registram, através dos meios de comunicação, a história da agricultura brasileira e a evolução do setor rural a cada dia.

O Prêmio estreou com três categorias - impresso (que reunia jornal e revista), rádio e TV. Logo na segunda edição foi incluída a categoria internet e a impressa foi transformada em duas: jornal e revista. A partir da terceira edição, com o objetivo de premiar o talento de quem sabe olhar e captar o trabalho do homem do campo, o Prêmio passou a ter seis categorias com a inclusão de Fotojornalismo. Na 10ª edição, em comemoração aos 50 anos da presença da Massey Ferguson no Brasil, o Prêmio contou com uma categoria especial, além da inclusão da categoria Estudante que foi premiada com R$ 5 mil. Em 2012, o Prêmio de Jornalismo se reinventa e, além de premiar com R$ 10 mil os vencedores das categorias já existentes, ainda inclui a categoria Mercosul, do qual o vencedor ganhou uma viagem com acompanhante par o Rio de Janeiro. Na 12ª edição, os segundos e terceiros colocados foram comtemplados com um tablet e uma câmera fotográfica, respectivamente. No mesmo ano, a categoria internet passou a ser chamada de “Multimídia” e, dessa forma, valorizar a capacidade interativa dos conteúdos publicados.

Ano a ano cresce o número de inscrições e de estados participantes. Enquanto na primeira edição foram registrados 34 trabalhos inscritos, em 2013 chegaram a quase 300. A alta adesão faz com que o Prêmio de Jornalismo seja consagrado como símbolo de reconhecimento máximo dos talentos do jornalismo do agronegócio brasileiro. Os vencedores são eleitos por toda a Comissão Julgadora de acordo com a produção, investigação e apuração de dados, fontes entrevistadas, relevância e abrangência do tema. Dessa forma, a Massey Ferguson cumpre seu papel de incentivadora de profissionais que divulgam os temas relativos ao setor rural e à agricultura brasileira, ressaltando a relevância de questões que interferem direta ou indiretamente no desenvolvimento da economia e da sociedade.

LINHA DO TEMPO

2002   2004   2006   2008   2010   2012   2014   2016
  2003   2005   2007   2009   2011   2013   2015  

2016

A 15ª edição do Prêmio de Jornalismo encerrou com 619 inscrições, nas sete categorias: estudante, fotojornalismo, jornal, multimídia, revista, TV e América do Sul, Central e Caribe. Os vencedores das categorias receberam R$ 10 mil, na estudante R$ 5 mil e a América do Sul uma viagem com acompanhante para o Rio de Janeiro, um dos pontos turísticos mais visitados do Brasil. Já os segundos lugares foram premiados com um tablet e os terceiros com um tablet.

Categoria Autor Título Veículo Cidade/UF/País Créditos para as equipes de reportagem
América do Sul, Central e Caribe 1. Fabio Romero El calentamiento global nos cambió la vida Agricultura de las Américas Bogotá/ Colômbia
2. Paola Andréa Peña Roa El cambio climático es ahora Infortambo Andino Bogotá/ Colômbia Texto: Yair Leonardo Vera Bernal e Paola Andrea Peña Roa
3. Fabio Romero La Protección del patrimonio Agricultura de las Américas Bogotá/ Colômbia
Estudante 1. Paulo Palma Beraldo Adido agrícola: o trabalho de romper fronteiras entre nações e abrir as portas para o agronegócio mundo afora Jornalismo Especializado Unesp Bauru/São Paulo
2. Everton Lima A herança Quilombola que o Paraná não conhece Revista CDM PUC PR Curitiba/ Paraná
3. Paulo Palma Beraldo No interior de SP, médico tem uma das maiores coleções de frutas raras do mundo Jornalismo Especializado Unesp Bauru/São Paulo
Fotografia 1. Marcio Pimenta Tabaco Histórico National Geographic São Paulo/ São Paulo
2. Jefferson Botega Desenho da colheita Jornal Zero Hora Porto Alegre/ Rio Grande do Sul Texto: Gisele Loeblein
Foto: Jefferson Botega
3. Fabio Radke Minhocas consomem lixo orgânico e geram húmus de alta qualidade Jornal NH Novo Hamburgo/ Rio Grande do Sul Texto: Fábio Radke
Fotos: Fábio Radke e Inézio Machado
Infografia: Paulo Zarif e Alan Machado
Jornal 1. Karine Wenzel O mel que adoça o mundo Diário Catarinense Florianópolis/Santa Catarina Texto: Karine Wenzel
Edição: Cristian Weiss
Design: Cris Macari
Arte: Ben Ami Scopinho
Fotos: Marco Favero
2. Mario Adolfo No Madeira, Cacau é ouro Jornal Amazonas Em Tempo Manaus/ Amazonas Texto: Mario Adolfo
Fotos: Ricardo Oliveira
Diagramação: Adyel Vieira
Tratamento de imagens: Kleuton Silva
Revisão: João Alves
3. Adilson Kipper De pai para filho Jornal Força D'Oeste Itapiranga/ Santa Catarina
Multimídia 1. Igor Castanho O Brasil movido a frango Gazeta do Povo Online Curitiba/ Paraná Texto: Igor Castanho
Fotos: Lineu Filho e Hugo Harada
2. Luciana Paiva Ara, é caipira, sô! Cana Online Ribeirão Preto/ São Paulo
3. Lucas Soares Com maracujá e café, casal aposta em cerveja artesanal sustentável G1 Sul de Minas Varginha/ Minas Gerais Texto e fotos: Lucas Soares e Daniela Ayeres
Revista 1. Maristela Franco Quem tem medo de passivos ambientais? DBO São Paulo/ São Paulo
2. Renata Vieira Quatro Bélgicas de árvores? Exame São Paulo/ São Paulo Texto: Renata Vieira e Ana Luiza Herzog
Foto: Sergio Cardoso
3. Cassiano Ribeiro Explosão do Milho Globo Rural São Paulo/ São Paulo Texto: Cassiano Ribeiro e Raphael Salomão
Edição: Venilson Ferreira
Fotos: Fernando Martinho
TV 1. Cristina Vieira Cacau na Bahia Globo Rural São Paulo/ São Paulo Texto e edição: Cristina Vieira
Imagens: Thiago Capelle
Arte: Fabíola Marzabal e Lecco Tamura
Som externo: Mateus Ruggiero
Edição de imagem: Leandro Cassio
2. Kenzô Machida Veja como a tecnologia pode ser uma aliada da produção do campo DFTV 1ª TV Globo Brasília Brasília/ Distrito Federal Texto: Kenzô Machida
Produção: Morena Pinheiro
Trabalhos Técnicos: Marcos Henrique
3. Nubia Tawil Especial Litoral Norte: Conheça a versatilidade da fibra do coco Bahia Rural - TV Bahia Salvador/ Bahia Texto:Georgina Maynart
Imagens: Miro Filho
Assistente: Pedro Correa
Produção: Alcebíades Azevedo
Videografismo Weverton Santos
Edição de Imagens: Antonio Ricardo
Edição de texto: Nubia Tawil
Prêmio Destaque AGCO de Jornalismo Rural Brasileiro Jorge Reti